“Juntos, construímos um Parque das Rosas ainda melhor!”

Primeira reunião do Conselho comunitário de Segurança da Barra sob o comando de Maria Lúcia Mascarenhas acontece no quintal de casa

 

Membros da AMARosas e Presidente participam do encontro

 

No último dia 20 de setembro foi realizada na Câmara Comunitária da Barra da Tijuca (CCBT), o 31º Conselho Comunitário de Segurança (CCS), reunião referente a assuntos ligados à segurança pública da região.

Estiveram presentes na reunião moradores, líderes sindicais e representantes de condomínios. Foi a primeira reunião comandada por Maria Lúcia Mascarenhas, que em seu discurso agradeceu a oportunidade e ressaltou “aqui nós somos uma ponte da sociedade civil com as autoridades”.

 Cada participante teve a oportunidade de apresentar suas respectivas demandas, sugestões ou agradecimentos para as autoridades competentes.

Fizeram parte da mesa:

Maria Lúcia Mascarenhas – Diretora da Câmara Comunitária; Raphael Lima – Subprefeito Barra, Recreio e Vargens; Tenente Cel. Flávio Henrique dos Santos Pires – Comandante 31º BPM; Capitão Avellar – Coordenador do Barra Presente; Delegada Elisangela (representando Angelo Lages – Delegado 16º DP); Tenente Andressa da Cunha –Coordenadora do Recreio Presente; Dr. Neilson Nogueira – Delegado titular 42º DP e Dr. Marcus Soares – Presidente OAB Barra.

   O Tenente Cel. do 31º BPM, Flávio Henrique dos Santos Pires responsável pela região que vai desde Barra de Guaratiba a uma parte do Rio das Pedras, apresentou dados referente a queda em alguns índices de criminalidade em relação ao ano anterior. Uma diminuição em 33% no roubo de veículos, 50% em roubos de estabelecimentos comerciais e 44% no furto de celular. “É uma área que tem e recebe uma população muito grande, principalmente nessa época e já iniciamos a operação verão com aumento dos números de policiais no calçadão. Estamos de portas abertas e sempre prontos para ouvir a sociedade” conclui.

Raphael Lima, subprefeito da região ressaltou o esforço contínuo da prefeitura na questão de melhoria do bairro como iluminação pública, diminuição do comércio e estacionamento irregular. A segurança pública é um desafio contínuo que requer esforços e cooperação entre as autoridades e comunidades para melhorar cada vez mais a qualidade de vida nessa região que cresce cada vez mais na cidade do Rio de Janeiro.

“Essa foi a primeira reunião presidida por Maria Lúcia Mascarenhas no Conselho Comunitário de Segurança. Este marco não apenas representa um momento significativo para nossa comunidade, mas também destaca a importância de termos aberto as portas para Maria Lúcia, diretora da CCBT, desempenhar esse papel crucial. Em sua primeira reunião como presidente, Maria Lúcia Mascarenhas mostrou sua dedicação incansável à nossa comunidade e sua visão clara de como podemos aprimorar a segurança em nossa região. A Presidente levantou uma bandeira que creio deva levar adiante. Buscar o legislativo para tornar as leis mais duras para os marginais.  Lugar de bandido é na cadeia”, enfatizou Cleo Pagliosa, Presidente da Associação de Moradores e Amigos do Parque das Rosas (AMARosas).

“O nosso compromisso inabalável com a segurança e o bem-estar dos nossos moradores. Sabemos que a segurança é uma preocupação constante em nossas vidas, e é por isso que é tão importante que estejamos envolvidos e ativos no Conselho Comunitário de Segurança. Nossos moradores são o coração pulsante da nossa comunidade, e a sua participação ativa no conselho é essencial. Eles são a voz que representa nossas preocupações e ideias, e é por meio de sua participação que podemos criar um ambiente mais seguro e acolhedor para todos. Nesta reunião, tivemos a oportunidade de discutir questões cruciais, compartilhar insights valiosos e estabelecer parcerias com outros membros da comunidade e autoridades locais. Essa colaboração é o alicerce de uma comunidade forte e segura. Apoiamos e incentivamos a participação de nossos moradores no Conselho Comunitário de Segurança. Juntos, podemos trabalhar para implementar soluções eficazes, fortalecer a segurança em nosso bairro e garantir um futuro brilhante para todos nós”, comentou Renato .

Odilon Andrade, Conselheiro da AMARosas, gostaria de destacar a relevância da liderança da Diretora Maria Lúcia Mascarenhas nesta reunião. “Maria Lúcia, com sua paixão e compromisso inabaláveis pela segurança comunitária, tem sido um farol de esperança e inspiração para todos nós. Sua capacidade de liderança é evidente em sua dedicação a nossa comunidade e em sua visão clara para um futuro mais seguro. Realizar esta reunião no nosso quintal é mais do que uma questão de comodidade; representa a ideia de que a segurança comunitária começa em casa, em nosso próprio espaço. Ao abrir nossas portas para discussões tão importantes, estamos demonstrando nosso compromisso em abordar os desafios de segurança que enfrentamos, de frente. Nosso dever é contribuir com tudo o que é importante para desenvolvimento do nosso bairro”.

CADASTRE SEU EMAIL E FIQUE POR DENTRO DO PORTAL